• BH Peças Toyota

Qual é a função do catalisador?


O catalisador é uma peça importante para o funcionamento do carro, pois não existe um motor que faça a combustão de maneira eficiente e ecológica. Afinal, ao queimar a gasolina, o processo acaba gerando resíduos químicos e lançando substâncias tóxicas no ar, como o dióxido de carbono. Além deste, diversos outros tipos de poluente são emitidos por meio do sistema de escape dos veículos daí a importância do catalisador, já que o equipamento diminui a incidência de poluentes na atmosfera.


Em resumo, um catalisador pode apresentar diversos desdobramentos, desde como se dá seu funcionamento até como pode ser útil ao carro. Portanto, da mesma forma que é importante saber sobre problemas mecânicos, como rachaduras na junta homocinética ou na junta do cabeçote, também é vital descobrir como identificar problemas no catalisador.


Para o que serve o catalisador?

Basicamente, o catalisador automotivo serve para o controle dos gases que saem do escapamento. Por causa da combustão incompleta da gasolina que vai ao motor, o monóxido de carbono e vários compostos orgânicos voláteis se tornam o principal “produto” emitido pelo escapamento, gerando dessa forma gases extremamente nocivos. Vale mencionar que, quando as temperaturas estão muito altas no motor, o nitrogênio do ar reage com o oxigênio para formar óxidos nitrosos. Esses nitrosos causam vários problemas, como a formação de um ácido que reage com a água na atmosfera, que pode até se transformar numa chuva ácida. Ademais, quando o carro está em marcha lenta, os malefícios podem ser ainda mais graves. O trabalho do catalisador automotivo, portanto, é transformar os gases nocivos em gases menos prejudiciais à atmosfera, por isso ele é tão importante para o carro e, é claro, para o meio ambiente.


Como ele funciona?

É importante entender que o catalisador automotivo é uma peça ligada diretamente na transformação de poluentes do escapamento, incitando os gases a encontrarem uma maneira ideal de se converterem em gases menos nocivos. Algumas reações químicas que acontecem no conversor podem ser identificadas nesta sequência:


Monóxido de carbono + Oxigênio → Dióxido de carbono

Compostos orgânicos voláteis (gasolina parcialmente queimada) + Oxigênio → Dióxido de carbono + Água

Monóxido de nitrogênio + Monóxido de carbono → Dióxido de carbono + Nitrogênio

Nos que são chamados catalisadores automotivos padrão, a parte em que há a concentração, chamada colmeia de compostos, provoca essas transformações de uma maneira mais densa, impedindo a saída pelo escapamento do fluxo de gases nocivos.

.

.


E aí, gostou dessa curiosidade?! Nos conte nos comentários! Aqui na Bh Peças Toyota temos peças e acessórios seminovos com garantia de procedência para o seu veículo Toyota. Reuse economize e cuide do planeta.


#dicasdeblog #bhpecastoyota #toyotabh #sucata #pecasseminovas #curiosidades #carros #cuidados #catalisador