• BH Peças Toyota

O que é o sensor de temperatura?


Essa é uma das manutenções mais importantes do carro, pois, se o sensor não estiver funcionando adequadamente, o motor pode esquentar, fundir, estragar ou acontecer outro problema que seja muito mais complexo e mais caro de ser resolvido.


Basicamente, o sensor de temperatura informa com a máxima precisão, para o painel do veículo, o valor exato da temperatura do motor. Esse, como dito anteriormente, é um processo que ajuda a evitar imprevistos e grandes prejuízos. Mas, há um pouco mais: além de informar a temperatura do fluído de arrefecimento no painel do veículo, que explicamos o que é nesse texto aqui, o sensor de temperatura oferece informações fundamentais para que haja uma execução de diversas estratégias de funcionamento do motor. Como podem perceber, o sensor de temperatura é muito mais que um “medidor”.


Aproveitando: o fluído do radiador evita o congelamento do fluido de arrefecimento, essencial para o sensor. Por isso, a função dele é tão importante, como mostrado no texto. Jamais tente usar a água sem o aditivo, pois alguns problemas na bomba e no motor podem aparecer.

Como o sensor de temperatura funciona?


Para medição da temperatura, esse sensor utiliza um componente cerâmico chamado termistor, que faz o envio de sinais elétricos ao medidor no painel do veículo. Em alguns casos, a temperatura do veículo pode ser sinalizada por meio de uma das luzes do painel, caso esteja muito alta. O termistor tem como principal característica apresentar uma variação acentuada da sua resistência elétrica com relação à sua temperatura. Funciona assim: aumento de temperatura > diminuição da resistência e diminuição de temperatura > aumento da resistência. Se isso acontecer, não desligue o motor imediatamente, pois pode causar o superaquecimento da peça. Usando uma terminologia mais simples, o sensor de temperatura do motor varia os seus níveis de tensão de acordo com a mudança de temperatura, seja quando o carro está desligado, ligado ou já aquecido, quando em funcionamento por mais tempo. Por exemplo: quando o motor é acionado, o sensor registra um estado frio, porque, obviamente, não estava ligado e vai aquecendo conforme o carro está em funcionamento. O sensor não pode apresentar altos níveis de temperatura, pois isso indica que há um problema no motor que precisa ser checado o quanto antes.


Onde o sensor de temperatura fica localizado?

Na maioria carros, é possível encontrar o sensor de temperatura no cabeçote, ou seja, a parte mais quente do motor e onde a temperatura pode ser medida com uma precisão mais assertiva. É o local mais indicado e mais comum de acha-lo, mas pode variar, ainda mais em carros importados, que usam outras técnicas para fazer a medição de temperatura. Com a peça tem uma ponta super resistente em contato com o fluído de arrefecimento, o sensor reage às alterações de temperatura do aditivo, variando sua resistência. Há outros casos em que o sensor de temperatura pode ser encontrado no coletor de admissão, próximo ao alojamento do termostato. Neste caso, há um funcionamento um pouco diferente do citado acima: ele comunica a um computador integrado ao motor do carro se a peça está quente ou fria, assim, ele consegue se ajustar de acordo com as condições.

.

.

E aí, gostou dessa dica?! Nos conte nos comentários! Peças e acessórios seminovos com garantia de procedência para o seu veículo Toyota, você encontra aqui.


#dicasdeblog #bhpecastoyota #toyotabh #sucata #pecasseminovas #curiosidades #carros #cuidados #sensordetemperatura